Cineclube Walter faz aniversário exibindo 4 curtas baianos

Cineclube Walter da Silveira comemora 2º aniversário com sessão especial “Curtas Bahia anos 80”
Filmes de Edgard Navarro, Fernando Belens, Pola Ribeira e José Araripe Jr. serão exibidos no dia 12 de julho, às 19h na Sala Walter


Período definidor da pós-modernidade do cinema baiano, o Cineclube Walter da Silveira se volta para os anos 80, perfazendo em quatro curtas diversos e belos a longa metragem do sempre presente sonho audiovisual. Assim, o cinema dos Barris exibe, no dia 12 de julho, às 19h, "A Lenda do Pai Inácio", o nosso guia espiritual; o "Porta de Fogo", onde encontramos a passagem para a dimensão da eterna luta revolucionária e, num gesto eco-renovável, reativamos "Eletros, o grande momento", essa usina permanente da fabulação de imagens, e, finalmente, a metamorfose de uma cidade, através do brilho de "Anil". Após a projeção, como de costume, há um debate, com mediação de Bertrand Duarte e com os realizadores dos filmes. A entrada é franca.

Cineclube Walter da Silveira
Dia 12 de julho - 19h
Entrada franca
Curtas Bahia anos 80


Porta de Fogo (Brasil, 1982)
Direção: Edgard Navarro | Duração: 21 minutos | Elenco: Edgard Navarro, Ricardo Almeida, Celso Aguiar, Pola Ribeiro e José Araripe Jr. | Classificação: 16 anos
Sinopse - Porta de fogo é um filme de curta metragem sobre a morte trágica do capitão-guerrilheiro Carlos Lamarca e de seu companheiro Zequinha no sertão da Bahia, em setembro de 1971. À luz da literatura de cordel, o filme inventa um encontro entre Lamarca e Lampião na derradeira hora. São dois capitães, dois guerreiros de valor marcados de diferentes formas pelo ódio à opressão e pelo amor à liberdade, levados a uma senda inglória pela força de um carisma feito de sangue. Numa celebração entre guerreiros que voltam às suas hostes, o cangaceiro vem preparar o guerrilheiro em meio ao delírio que antecede o transe final. Quando o cerco se fecha sobre aquele homem - acossado, faminto, doente - o tempo detém seu curso. O sol se parte, a terra treme, o visível se nega e a última batalha então se trava, metáfora de transcendência: uma fenda se abre no céu, entre os dois mundos - porta de fogo.

Anil (BRA, 1989)
Direção: Fernando Belens | Documentário | Duração: 8 minutos | Classificação: Livre
Sinopse - Durante uma semana, regidos pelos signos negros da cultura baiana, os varais contam histórias de exploração. O trabalho da mulher, cânticos e cores se reúnem delicadamente para denunciar.

Lenda do Pai Inácio (Brasil, 1987)
Direção: Pola Ribeiro | Duração: 38 minutos | Elenco: Kal Santos, Meran Vargens, Rui Funch, Tote Rocha e Moisés Augusto | Classificação: 14 anos
Sinopse - Em meados do século XIX na região da Chapada Diamantina, um escravo foge para escapar da fúria de seu Senhor. Inácio, que tem uma paixão proibida com a Senhora, sobe o morro, que tem hoje o seu nome e pula de 200 metros, apenas com a sombrinha, lembrança de seu amor.

Eletros (Brasil, 1981)

Direção: José Araripe Jr. | Elenco: Edgar Navarro | Classificação: 14 anos
Sinopse - Em uma sociedade totalitária, alguns escolhidos são preparados para atentar contra as forças do poder central. A perseguição a um destes contestadores gera uma jornada de transgressão, de terror e dor.
Recomendar esta página via e-mail: