Notícias

08/04/2021 10:30

#AldirBlanc - Site Walter da Silveira universaliza acesso a peças raras e remonta formação do cinema moderno brasileiro

foto: Divulgação

Walter da Silveira em sua tela pessoal, a qualquer dia e horário. Esta nova realidade estará acessível gratuitamente a partir de abril, com o lançamento do website walterdasilveira.com.br, o qual reunirá e disponibilizará uma parte consistente do acervo do militante político, professor, historiador, cineclubista, ensaísta, advogado e um dos mais importantes críticos de cinema brasileiro, o baiano Walter da Silveira.

O lançamento oficial da plataforma acontece no próximo dia 10 de abril, às 19h, e contará com uma mesa solene, transmitida ao vivo pelo canal do YouTube da Associação Baiana de Imprensa (ABI)( https://bit.ly/2QrXfLK ), entidade que possui a salvaguarda do acervo físico de Silveira.

Para ser lançado ao público, a equipe fez um mergulho prévio no acervo se Silveira e catalogou, restaurou e digitalizou 355 imagens, entre fotos de filmes e do arquivo pessoal, além de 98 correspondências. Os tipos documentais destacados têm forte significado para a história do cinema brasileiro, com destaque para as correspondências com Glauber Rocha, Alex Viany e Paulo Emílio Sales Gomes, trocadas entre 1950 e 1966, e que permitem acompanhar a formação do cinema moderno no Brasil.

O projeto é idealizado pela doutora em Artes e professora da Universidade Federal da Bahia (UFBA), Cyntia Nogueira, autora do livro Walter da Silveira e o Cinema Brasileiro. A coordenação é da museóloga Renata Ramos, que atua na área de conservação e restauração documental e é responsável pelo Museu de Imprensa da ABI. Integra também o projeto o historiador e doutor em Cinema, Adilson Mendes, atuando como pesquisador responsável pelo projeto.

Para Renata Ramos, além da possibilidade de trabalhar a documentação que estava parada há algum tempo, o maior ganho que o projeto dá conta é a divulgação da própria história e importância de Walter da Silveira.

"As peças são muito importantes para a história da Bahia e para o cinema baiano e brasileiro. E foi isso o que nos motivou trabalhar esse material. Poucas pessoas na Bahia conhecem Walter da Silveira como um dos especialistas do cinema brasileiro e, principalmente, do cinema baiano. Nosso ganho é a divulgação dessa documentação, que é muito importante para a sociedade como um todo. Walter é conhecido internacionalmente, mas nem todos os jovens pesquisadores do cinema tem essa referência dele como um dos principais críticos
", pontua Renata.

Adilson Mendes, na função de pesquisador responsável da proposta se dedicou ao processo de levantamento, seleção dos conteúdos mais relevantes, elaboração de metodologia de classificação, organização de peças fundamentais e outras etapas do processo que culminam com o lançamento do site. Ele classifica Walter da Silveira como “um articulador fundamental para o cinema moderno”.

Do minucioso trabalho empreendido, Mendes destaca as fotografias, as quais, segundo ele, mostram como Walter ocupava um lugar central para o cinema brasileiro. 
"Ele articulava, participava como líder em festivais, publicava na imprensa. Então, quando as pessoas lançavam seus filmes ou estavam produzindo, mandavam para ele fotos, imagens, quase que para pedir uma anuência da parte dele ou mesmo para pedir favores, para ele ajudar nas filmagens na Bahia", diz Mendes.

A criação do site com materiais minuciosamente selecionados também objetiva fazer do local uma fonte de referência para iniciantes e iniciados na cultura audiovisual. Ao mesmo tempo que difunde a vida e a obra de Walter da Silveira, o projeto estimula a pesquisa especializada ao favorecer a compreensão sistêmica da rede do cinema moderno, que permitiu, no caso baiano, a formação de um dos baianos mais ilustres no universo cinematográfico.

A plataforma também reunirá depoimentos de importantes personalidades do cinema brasileiro, os quais destacam a importância de Walter da Silveira, dentre eles, Antônio Pitanga, Orlando Senna e Roque Araújo.

O projeto tem apoio financeiro do Estado da Bahia através da Secretaria de Cultura e da Fundação Cultural do Estado da Bahia (FUNCEB), por meio do Programa Aldir Blanc Bahia, via Lei Aldir Blanc, direcionada pela Secretaria Especial da Cultura do Ministério do Turismo, Governo Federal.

O ACERVO DE WALTER DA SILVEIRA


Desde 2015, quando assinou o termo que oficializou a doação do acervo de Walter da Silveira, feita pela família do crítico de cinema, a Associação Baiana de Imprensa detém a salvaguarda de milhares de itens, agregando as funções de preservação e de disponibilização de acesso ao acervo. As peças físicas estão disponíveis no Museu da Imprensa, criado pela ABI há 43 anos e reinaugurado em agosto de 2020, como parte da celebração de 90 anos da Associação. 

A doação feita à ABI recompôs quase totalmente a biblioteca pessoal de Silveira, somando-se à parte do acervo adquirida em 1972 pela instituição, composto por obras antes disponíveis na Biblioteca Jorge Calmon.


SERVIÇO:
Lançamento website walterdasilveria.com.br
Quando: 10 de abril de 2021, a partir das 19h
Onde: Canal da Associação Baiana de Imprensa (ABI) no Youtube

Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.