Notícias

23/10/2020 14:00

Sessão Cinemateca da Bahia inicia "Cinquentenário Sem Walter da Silveira" neste domingo (25)

Foto: Divulgação

A Fundação Cultural do Estado da Bahia, através da Cinemateca da Bahia, coordenação de sua Diretoria de Audiovisual (Dimas/Funceb), inicia no domingo (25), uma programação especial para marcar a memória do fundador e programador do Clube de Cinema da Bahia, Walter da Silveira, que este ano completa 50 anos de seu falecimento. O soteropolitano Walter da Silveira (1915-1970) foi crítico de cinema, militante político, professor, historiador, cineclubista, ensaísta e advogado formado pela Faculdade de Direito da Bahia em 1935, sendo reconhecido como advogado das causas populares. Em 1950 fundou o Clube de Cinema da Bahia, além de ter organizado festivais de cinema e um Curso de Cinema em parceria com a Universidade Federal da Bahia (UFBA).

Neste domingo (25) a TVE vai exibir o filme "A Grande Feira" de Roberto Pires. Pioneira do movimento “cinema novo”, a obra enfoca a feira de Água de Meninos, principalmente nos seus traços econômicos e culturais. A feira de Água de Meninos é ameaçada por uma imobiliária que pretende usar o espaço ocupado pelos feirantes para ampliar os tanques de combustíveis que ficavam próximos, mas até o fim do filme a feira não é destruída. “A grande feira, estabeleceu as bases de um cinema brasileiro fora do Rio de Janeiro e de São Paulo, inaugura mais do que o cinema baiano, outra etapa de nossa história” palavras de Walter da Silveira sobre a película. 

SERVIÇO:

O que: Sessão Cinemateca da Bahia – O legado de Walter da Silveira
Quando: 25 de outubro (domingo), às 21h
Local: TVE (www.tve.ba.gov.br)
Filme: “A Grande Feira” (1961), de Roberto Pires 

Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.