Notícias

25/05/2018 11:00

Carlos Pronzato lança quatro novos documentários na Sala Alexandre Robatto

chea
Ícone revolucionário: curta registra encontro na Bolívia em homenagem a Che Guevara (Foto: divulgação)

Um breve panorama do governo de José Mujica, presidente do Uruguai (2010 - 2015), através da voz das ruas; a resistência do povo guarani kaiowá no Estado de Mato Grosso do Sul; entre outros temas de grande relevância histórica, política e cultural são o foco do realizador argentino, radicado na Bahia, Carlos Pronzato. O documentarista reúne seus trabalhos mais recentes, em sessão especial, dia 29 de maio (terça-feira), na Sala Alexandre Robatto (subsolo da Biblioteca Pública dos Barris).

Che 50
Um dos destaques da programação é o curta "Che 50", que registra as comemorações em torno do "Encontro Mundial 50 anos do Che Guevara na Bolívia". Além de "José 'Pepe' Mujica, na voz das ruas" e "Retomadas Guarani Kaiowá, a luta pelo território"; completa a seleção de filmes "O Caso da Professora Maria Rosaria Barbato, entre a discriminação e a resistência" .

Carlos Pronzato, que além de cineasta é diretor teatral e poeta, tem grande destaque por suas obras audiovisuais e literárias terem um compromisso com a cultura, as memórias e lutas populares.

Pronzato nasceu na Argentina, mas foi na Bahia que iniciou mesmo as atividades de documentarista nos conflitos locais, para depois se dedicar à história de lutas na América Latina. Seu estilo, suas produções e seus estudos cinematográficos têm especial interesse pela antropologia visual e pelos filmes de Jean Rouch com o conceito de cinema verdade.

Serviço
Lançamento de quatro curtas documentários do diretor Carlos Pronzato. Classificação 12 anos e com entrada gratuita

Quando
Dia 29/05, às 18h30min.

Onde
Sala Alexandre Robatto (Rua General Labatut nº 27, Biblioteca Pública dos Barris - Fone: 71 3116-8100).
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.